domingo, 17 de janeiro de 2016

[Resenha] A Mancha


Autor: Clayton De La Vie
Páginas: 35
Editora: Independente


Sinopse: Em uma sociedade governada por militares, eis que a força de uma professora poderá mudar a forma de pensar do povo. Seus alunos, incentivados por anos, formam um movimento de oposição ao Governo, A Mancha. Quando a chama de um pensamento não puder ser apagada com armas de fogo, o que os soldados farão?

"Chamas não se apagam com armas de fogo."

Houve um tempo em que a população pediu por intervenção militar. Será que as pessoas não aprendem com os erros? Não é possível que não se lembrem como foi no passado. Será que lembram? Tantos mortos, tanto derramamento de sangue. Isso é ridículo.

Pois bem, se assim desejam, voltarão ao inferno de antes, mas agora será muito pior. Qual será o futuro dos jovens dessa nação? Crescerão calados, sem poder se impor. Serão vitimas da lavagem cerebral do governo. Livros? Não precisam disso. Filosofia? Pra que pensar?. Artes? Desnecessário.

Cátia, é professora e terá a missão de introduzir os seus alunos À Mancha, mudando os seus modos de pensar. Só assim poderão lutar contra mais uma ditadura militar. Mas e lá fora? O que tem além dos muros da cidade em que vivem?

"Naquele dia, A Mancha contou com mais de duzentos integrantes. Alguns alunos apenas queriam fazer parte de algo novo, outros pretendiam mudar a história do país."

Um livro muito pequeno que li em alguns minutos, mas cada minuto valeu muito a pena. Eu necessito de um livro maior, mais detalhes, mais história.

Se em 35 páginas o autor, Clayton De La Vie, me fez pirar com a história de A Mancha, imagina com uma história maior? Nem comento.

"[...] o Governo teme que a radiação tenha criado monstros impossíveis de conter. Mal sabe ele que os monstros incontroláveis já invadiram o país."

Eu recomendo para todos. Leiam, vocês não vão se arrepender, tenho certeza! Nota? Máxima, claro.

Nota: 5/5

Um comentário:

  1. Oi, Nayara tudo bom, a quanto tempo não apareço por aqui. Peço desculpas, porque ta meio corrida a vida.
    Adorei a sua resenha, parece ser um livro interessante, me chamou a atenção.

    Bjux ;)
    http://entrelinhasalways.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir