sábado, 22 de julho de 2017

[Mudando de Assunto] Dexter


Título Original: Dexter

Direção: James Manos Jr. 

Duração: 52 minutos

Lançamento: 1 de Outubro de 2006 até 22 de Setembro de 2013

Elenco: Michael C. Hall, Julie Benz, Jennifer Carpenter e Erik King

Temporadas: 8

Episódio: 96

Gênero: Drama criminal, mistério e suspense

Origem: Estados Unidos

Dexter Morgan (Michael C. Hall) é adotado aos três anos de idade por Harry Morgan (James Remar) e Doris (Kathrin Middleton), depois de ter se tornado órfão. Após detectar sua tendência homicida, o pai de Dexter decide ensinar a ele um código no intuito de canalizar a raiva do filho para situações mais propícias à violência. Nesta nova lógica, Dexter deve matar apenas assassinos de pessoas inocentes com a condição de provar sua culpa. Ele inicia o desenvolvimento de diversas estratégias usando seu conhecimento e a experiência para realizar sua nova função.


Estou naquela ressaca de série quando terminei o último episódio de Dexter, mais uma série concluída com êxito e deixando aquela saudade. Infelizmente acabou agora é partir para outra série, mas sem antes deixar minha crítica. 

O personagem central dessa série é Dexter Morgan, um assassino em série que mata outros assassinos e criminosos, só que Morgan tem uma vida pacata e tranquila, seu trabalho consiste em ser um analista forense especialista em padrões de dispersão de sangue, no departamento de polícia do Condado de Miama-Dade.


Dexter é uma espécie de justiceiro, de um jeito frio e meticuloso ele busca fazer sua própria forma e maneira de fazer justiça com suas próprias mãos, já que na maioria das vezes, esses criminosos conseguem se livrar impunes, é aí que Morgan entra em ação. 

Essa é uma das séries com o passar dos episódios, vai ficando mais intenso, angustiante e vemos os reais motivos e causas de Dexter ter se tornado um psicopata. 

Morgan ficou órfão aos três anos de idade, esse trauma na infância foi o principal fator dele ser o que é, adotado pelo casal Harry Morgan e Doris. Seu pai adotivo começa notar os traços de psicopata em Dexter, e nesse momento que Harry passa ensinar e auxiliar usando o “Código de Harry”, uma forma de Dexter canalizar seus instintos e usar contra pessoas que “merecerem”.


Sem sombra de dúvidas, essa série está na minha lista de favoritos, uma produção impecável que nos deixa envolvidos, será que Dexter está certo em fazer sua própria justiça?

O diferencial dessa série, é que os personagens secundários fazem uma grande cadeia de acontecimentos em torno da vida de Dexter. Se vale à pena assistir? Com toda certeza!


8 comentários:

  1. Oii Rafael tudo bem?
    Fiquei bem interessada em assistir essa série, o que me desmotiva é saber a quantidade de tempos e episódios, acho tanto sabe que até cansativo, ótima postagem e espero que continue assistindo.
    Abraços

    ResponderExcluir
  2. Então, comecei a ver a série e depois não consegui mais acompanhar...
    Aí li várias pessoas reclamando porque o seriado começou a ser nada a ver com os livros...
    aí fiquei curiosa e comecei a ler os livros, mas no final das contas não terminei nem um nem outro.... huahuahuauhaa
    Mas mesmo assim, EU AMO MEU QUERIDO E DEVOTADO DEXTER!!! <3

    Parabéns pela dica!

    Beijinhos!

    #Ana Souza
    https://literakaos.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  3. Olá, tudo bem?

    Apesar de achar bem interessante essa série, não vou assistir porque não sou ligada em séries. Sim, não assisto nenhuma. Eu até começo, mas paro. Mas pra quem gosta essa é uma boa pedida. Parabéns pela dica.

    Beijos
    Laneh Martins

    ResponderExcluir
  4. Oi, Rafael! Tenho muita curiosidade em assistir essa série já faz um tempo, pois a história é muito interessante e eu já ouvi muitos comentários positivos sobre ela. Porém como eu já tenho uma lista gigante de séries, eu acabo esquecendo haha. Mas a sua crítica me deixou bastante curiosa, então acho que vou dar uma chance. Obrigada pela dica, bjss!

    ResponderExcluir
  5. Olá!

    Tenho uma amiga que é super fã dessa série, mas admito que ela não faz meu gênero, mesmo sendo tão bem feita.

    ResponderExcluir
  6. Oiii!!

    Eu juro que eu tentei! Meu irmão já viu as temporadas 3 vezes e eu não consegui passar do primeiro ep...
    Gostei da sua resenha, mas não é pra mim mesmo :(

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  7. Oi, Rafael
    Tenho mais curiosidade em ver as séries do que ler os livros. Com certeza para quem já gosta, é uma ótima dica.
    Gosto de entender o que leva um psicopata a se tornar um. Acho que iria gostar.

    ResponderExcluir
  8. Oie! Eu ainda não tive a oportunidade de assistir essa série, mas tenho muita vontade porque já acompanhei diversos comentários positivos. Eu sabia pouco sobre a história, mas gostei de saber mais detalhes. Tentarei assistir. ♥

    Beijos, beijos.

    ResponderExcluir